Estatística

24 de mar de 2012

YOGA BRAZIL --- O YOGI


 
Quando os cinco sentidos e a mente estão parados, e a própria razão descansa em silêncio, então começa o caminho supremo. Essa firmeza calma dos sentidos chama-se Yoga. Mas deve-se estar atento, pois o Yoga vem e vai.
Katha Upanishad, VI

NAMASTÊ !

21 de mar de 2012

YOGA BRAZIL --- EU POSSO VER CLARAMENTE AGORA!!!


Eu posso ver claramente agora que a chuva se foi
Eu posso ver todos os obstáculos no meu caminho
As nuvens pretas que me deixavam cego já foram


Será um brilhante,
Um brilhante dia de sol
Será um brilhante,
Um brilhante dia de sol
Sim, eu posso ver agora que a dor se foi
Todos os sentimentos ruins desapareceram
Aqui está o arco-íris pelo qual eu tanto rezei
Será um brilhante,
Um brilhante dia de sol


Olhe ao redor e não há nada além céu azul
Olhe bem à frente, não há nada além do céu azul


Eu posso ver claramente agora que a chuva se foi
Posso ver todos os obstáculos no meu caminho
Aqui está o arco-íris pelo qual eu tanto rezei


Vai ser um brilhante,
Um brilhante dia de sol
Vai ser um brilhante,
Um brilhante dia de sol


                                                             NAMASTÊ!!!

18 de mar de 2012

YOGABRAZIL --- TUDO É AMOR ( UM LUGAR QUE FAZ ECO )




O amor não deveria ser condicional, nada se deveria esperar dele.
ele deveria estar presente, por estar presente, e não por alguma recompensa, e não por algum resultado.
Se houver algum motivo nele, novamente seu amor não poderá se tornar o céu. Ele está confinado ao motivo;o motivo se torna sua definição, sua froteira.
Um amor não motivado não tem fronteiras:
É a fragância do coração.

E o fato de não haver desejo de algum resultado não quer dizer que não haja resultados.
Há sim,
e eles acontecem mil vezes mais, porque tudo o que damos ao mundo retorna e ressoa.
O mundo é um lugar que faz eco.
Se atirarmos raiva voltará;
se dermos amor, o amor voltará.
Mas, esse é um fenômeno natural, e
não precisamos pensar sobre ele.
Podemos confiar:
isso acontece por si mesmo. Esta é a lei do carma: Tudo o que você semeia, você colhe; tudo o que voce dá,voce recebe.
Assim, não há necessidade de pensar a respeito, é automático.
Odeie, e será odiado; ame; e será amado.

O relacionamento existe porque o amor não está presente. O amor não é um relacionamento.
O amor se relaciona, mas não é um relacionamento. Relacionamento é algo acabado. Relacionamento é um substantivo; o ponto final chegou, a lua de mel acabou.
Agora não há alegria, não há entusiasmo, agora tudo está acabado.
 O amor nunca é um relacionamento: amor é relacionar-se - é sempre um rio fluindo, interminável.


                                                           NAMASTÊ!!!
* dedicado à " menininha ruiva "