Estatística

26 de fev de 2011

YOGA BRAZIL --- A MEDITAÇÃO DA MOSCA



Analisando esta animação, o samurai é aquele indivíduo que de boa vontade busca se libertar das limitações e dos condicionamentos que a vida lhe apresenta.
Por sua vez, a mosca que aparece inicialmente na sua frente representa aquilo ou aquela situação ou pessoa que ainda incomoda e que necessita ser “trabalhada”. Como o samurai ainda não conseguiu se desgarrar do que o perturba, reage de uma forma irascível e violenta, imbuído no propósito de eliminar o que incomoda: a mosca.
No entanto, ao atingir a mosca com a sua espada afiada, esta se recupera e ainda se duplica, isto é, o problema que inicialmente era pequeno, aumenta de tamanho e se torna mais grave.
Não sabendo lidar com sabedoria na situação que o perturba, o samurai age de uma forma irrefletida, continuando a golpear as moscas que não param de se multiplicar. E foi no momento em que uma das moscas pousou sobre a gravura de um jardim e se transformou numa flor, que o samurai percebeu que estava na hora de mudar e deixar de se importar com que o tira do eixo.
Neste ponto, a mosca que se transformou em flor nada mais é do que um aspecto positivo que a situação apresentou, permitindo o samurai tomar consciência, entender e desistir de se incomodar com o que não vale à pena.
Buscando novamente o seu momento de introspecção e meditação, o samurai aceita e se desapega da situação que drenava toda sua energia. E, depois, mesmo que o mundo estivesse contra si, ainda com incontáveis moscas ao seu redor, mantém-se pacífico. 
Por fim as moscas se transformam em pétalas, pétalas que caem e que o reconfortam. E a única mosca que ele ainda aprisionava e persistia em incomodá-lo finalmente é libertada, mas quem verdadeiramente se libertou foi o samurai.   
                                                  NAMASTÊ!!!

23 de fev de 2011

YOGA BRAZIL--- PONTO AZUL





                                                                  

22 de fev de 2011

YOGA BRAZIL --- A VERDADEIRA BELEZA

A verdadeira beleza reside além da imagem física, que é sempre passageira.
A verdadeira beleza é a do espírito que se irradia pelo semblante, iluminando os olhos, adoçando os gestos, modulando a voz.
A verdadeira beleza resiste ao tempo, ao passar dos anos e se expressa na meiguice do olhar, na serenidade da face, no carinho dos gestos.
A verdadeira beleza é imortal.

YOGA BRAZIL --- PAZ MUNDIAL

21 de fev de 2011

YOGA BRAZIL --- KEVIN LISZT

Pense positivo. Haja positivamente! É dificil? Pense: existe coisa mais maravilhosa que um largo sorriso e um verdadeiro bom dia pela manhã?

YOGA BRAZIL --- CULTURA DE PAZ

Respeitar a vida e a diversidade, rejeitar a violência, ouvir o outro para compreendê-lo, preservar o planeta, redescobrir a solidariedade, buscar equilíbrio nas relações de gênero e étnicas, fortalecer a democracia e os direitos humanos. Tudo isso faz parte da Cultura de Paz e Convivência.
Mas é importante ressaltar que a Cultura de Paz não significa a ausência de conflitos, mas sim a busca por solucioná-los através do diálogo, do entendimento e do respeito a diferença. A Cultura de Paz possui valores que pretendem humanizar a humanidade, em que o SER é maior do que o TER. Os movimentos de Cultura de Paz têm por fontes inspiradoras o Manifesto 2000 por uma Cultura de Paz e Não-violência, projetado pelos ganhadores do prêmio Nobel da Paz , outros documentos internacionais (Haia, Declaração Universal dos Direitos Humanos, documentos da Unesco, Carta das Responsabilidades Humanas, Carta das Responsabilidade dos Artistas).

20 de fev de 2011

YOGA BRAZIL -Um Cafuné Na Cabeça, Malandro, Eu Quero Até De Macaco

                                           
Brigam Espanha e Holanda
Pelos direitos do mar
O mar é das gaivotas
Que nele sabem voar
Brigam Espanha e Holanda
Pelos direitos do mar
Brigam Espanha e Holanda
Por que não sabem que o mar
Por que não sabem que o mar
Por que não sabem que o mar
É de quem sabe amar